Livros e coletâneas
EMail

Produção bibliográfica do Instituto

 

Da SILVA, Sidney A.; ASSIS, Glaucia O. Em busca de Eldorado: o Brasil no contexto das migrações nacionais e internacionais.

O Livro aponta para a complexidade dos processos migratórios contemporâneos. Traz estudos sobre a migração haitiana para o Brasil, retratada a partir de diferentes perspectivas, sinaliza para o grande desafio de pesquisa que é esta mobilidade contemporânea. E nos aponta também, bem como o conjunto dos textos, o quanto abordagens ampliadas e multidisciplinares são profícuas para os estudos migratórios.

A abordagem em torno da imigração haitiana no Amazonas e a inclusão destes imigrantes na saúde pública local, fruto de um estudo da técnica em Saúde Pública do ILMD/Fiocruz Amazônia, Fabiane Vinente, recebeu um capítulo especial no recém-lançado livro “Em Busca do Eldorado: O Brasil no contexto das migrações nacionais e internacionais”, de autoria de Sidney Silva e Gláucia Assis, publicado pela Editora da Universidade Federal do Amazonas (Edua).

Com o título “Dos ideais às práticas: Os haitianos e o desafio da inclusão dos imigrantes internacionais nas políticas do sistema de saúde brasileiro”, Fabiane mostrou as inúmeras dificuldades que diversos imigrantes, neste caso específico os haitianos, enfrentam para ter acesso aos serviços de saúde no país, mesmo que este benefício esteja assegurado na Constituição Federal. O livro é uma coletânea de textos de vários autores, produzido pelo GT Imigração do Instituto Brasil Plural, cujo pano de fundo são as correntes migratórias na atualidade e está disponível na livraria da Edua, localizado na Ufam.

Fabiane Vinente também emplacou um capítulo no livro “Intensidade na Atenção Básica: prospecção de experiências informes e pesquisa-formação” da série “Atenção Básica e Educação na Saúde”, publicado pela Rede Unida. Seu artigo, intitulado “Participação Social e Saúde: experiências do movimento social e a construção da saúde indígena em Manaus”, foi escrito em parceria com as ex-alunas de pós-graduação do ILMD/Fiocruz Amazônia, Vanessa Miranda e Paula Francineth da Silva Azevedo.


GIBRAM, Paola Andrade. Penhkár: Política, parentesco e outras historias Kaingang.

As ações e expressões políticas entre os indígenas kaingang vêm sendo abordadas de diferentes maneiras desde os registros históricos do período colonial até as descrições etnográficas mais recentes – sempre, contudo, através de enfoques centrados no plano público e masculino de atuação.


Capa Politicas Publicas

Esther Jean Langdon e Marcia Grisotti (Org). “Politicas publicas: reflexões antropológicas”. Florianopolis, Editora UFSC, 2016.

Este livro é o resultado do Colóquio Reflexões sobre Pesquisa Antropológica e Políticas Públicas no INCT Brasil Plural (IBP). Apresenta um balanço das pesquisas, realizadas no âmbito do IBP, que tenham contribuído para subsidiar as políticas públicas, debater as controvérsias e estimular novas ideias. Prioriza o debate das seguintes questões: Em que sentido as pesquisas, dos pesquisadores individualmente e em redes, contribuem para as diversas políticas públicas? É possível articular os trabalhos com as políticas públicas? De que maneira seus projetos conseguiram algum impacto social ou político?


 

Capa Dialogos com os Guarani

Nadia Heusi Silveira; Clarissa Rocha de Melo; Suzana Cavalheiro de Jesus (Org). Diálogos com os Guaraní: articulando compreensões antropológicas e indígenas”. Florianópolis, Editora UFSC, 2016.

Esta coletânea é fruto de um seminário realizado na UFSC com o intuito de relacionar compreensões antropológicas sobre os conhecimentos dos Guarani e compreensões de acadêmicos guarani sobre os conhecimentos da Antropologia. Abordando temáticas variadas, os artigos evidenciam processos históricos de transformação na relação com não índios e seus desdobramentos, como também explicitam o modo de vida contemporâneo dos Guarani.


 

Raquel Scopel

DIAS-SCOPEL, Raquel Paiva. “A cosmopolítica da gestação, do parto e do pós-parto: práticas de autoatenção e processo de medicalização entre os índios Munduruku”. Brasília, Paralelo 15, 2015.

O livro é baseado na tese do doutorado da Raquel e foi vencedor do IV Premio ABA-GIZ no tema Gênero e povos indígenas na Amazônia, 2015. A pesquisa foi apoiada pelos recursos de IBP e o prefácio é da sua orientadora e coordenadora de IBP, Esther Jean Langdon


 

Rose

GERBER, Rose M. Mulheres e o mar: Pescadoras embarcadas no litoral de Santa Catarina, sul do Brasil. 2015

Este livro apresenta o resultado de uma pesquisa em antropologia com pescadoras que se dedicam à pesca artesanal no litoral de Santa Catarina. Durante 11 meses, Rose Mary Gerber mergulhou no cotidiano dessas mulheres de forma intensa, participando dos momentos de ação em terra e no mar. Os embarques e as conversas no dia a dia permitiram que a pesquisadora capturasse sutilezas no modo como as pescadoras se constituem como sujeitos em meio aos processos de assujeitamento com que constantemente se deparam.


 

capa-saude-indigena-F2

LANGDON, Esther j., CARDOSO, Marina D. (Org) Saúde Indígena: Políticas comparadas na América Latina. 2015

Novo livro da Coleção Brasil Plural e da Editora UFSC que faz uma análise sobre as políticas de saúde indígena implantadas em seis países latino-americanos (Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México e Venezuela), realizando uma discussão crítica sobre a formulação e a práxis dessas políticas em contextos nacionais e etnográficos distintos.


 

Uma floresta de disputas

IORIS, Edviges . UMA FLORESTA EM DISPUTAS – CONFLITOS SOBRE ESPAÇOS E IDENTIDADES SOCIAIS NA AMAZÔNIA, 2014.

O livro, que integra a recém-criada Coleção Brasil Plural, analisa, discute e propõe caminhos possíveis para os “longos e intensos conflitos” criados com as populações locais. A polêmica já dura mais de três décadas e não tem prazo para acabar, mobilizando burocratas, cientistas, ambientalistas, ativistas de direitos humanos e as comunidades rurais afetadas


 

Capa-livro-A-terra-do-não-lugar

RAPOSO, Paulo, ZIKÁN, Vânia, DAWNSEY, John, FRADIQUE, Tereza (org). A TERRA DO NÃO LUGAR: DIÁLOGOS ENTRE ANTROPOLOGIA E PERFORMANCE, 2013.

A terra do não-lugar explora os limites e fronteiras da performance. Simultaneamente intraduzível e intercomutável entre campos disciplinares, difusamente interterritorial e transdisciplinar, o conceito de performance se consubstancia hoje em um objeto reflexivo controverso, perenemente polêmico, e em um prolixo gerador de metáforas para a experiência humana. Esta coletânea de ensaios oferece algumas articulações entre o campo das ciências sociais e humanas, nomeadamente a Antropologia, e o campo dos estudos artísticos, em particular os chamados Performance Studies.


 

MENEZES BASTOS, Rafael José. A Festa da Jaguatirica: uma partitura crítico-interpretativa. Florianópolis: IBP/Editora da UFSC, 2013.
Este livro inaugura a Coleção Brasil Plural. É uma das primeiras descrições integrais de um ritual musical ameríndio. Feita no seu próprio pulso, ela evidencia que o cerne desses rituais, na Amazônia, está na articulação de pequenas unidades (canções, peças instrumentais, vinhetas) em longas sequências e sequências de sequências, resultando em performances às vezes de mais de dez dias. A música neles opera como pivô entre as artes verbais (poesia, mito) e corporais (especialmente a dança). A publicação deste livro contribui fortemente para a atual reconfiguração do conhecimento sobre os povos amazônicos, apontando para a ideia de uma grande complexidade de suas culturas.


 

LANGDON, E. J.; PEREIRA, E. L. (orgs.). Rituais e Performances: iniciações em pesquisa de campo. Florianópolis: IBP/UFSC, 2012. MAIS INFORMAÇÕES

Publicações apoiadas pelo IBP

 

 

 

Carátula Jean Langdon Sepia curvas
LANDGON, Esther Jean. LA NEGACIÓN DE LO OCULTO. CHAMANISMO, MEDICINA Y FAMÍLIA ENTRE LOS SIONA ENTRE LOS SIONA DEL BAJO PUTUMAYO, Universidad del Cauca/INCT Brasil Plural, 2014.

HAVERROTH, Moacir (org.). Haverroth Etnobiologia e Saúde de Povos Indígenas. Série Estudos & Avanços, volume 7. Recife: NUPEEA/UFPE, 2013.

 

 

27893-91947-2-PBDossiê Antropologias em Performance – Vol. II

https://periodicos.ufsc.br/index.php/ilha/issue/view/1961

 

27902-92001-2-PBDossiê Antropologias em Performance – Vol. I

https://periodicos.ufsc.br/index.php/ilha/issue/view/1966