Marcos Aurélio da Silva, Pós-doutorado PPGAS, UFSC

Possui graduação em Comunicação Social pela Universidade Federal de Santa Catarina (1997), mestrado e doutorado em Antropologia Social pela Universidade Federal de Santa Catarina (2003 e 2012). Atualmente, realiza pós-doutorado na instituição, onde é integrante do Núcleo de Antropologia do Contemporâneo (TRANSES), desenvolvendo pesquisa sobre festivais de cinema da diversidade sexual, com ênfase em Performance e Teorias do Sujeito. Tem experiência nas áreas de Antropologia e Comunicação, com ênfase em Antropologia Urbana, Relações de Gênero e Antropologia do Cinema, atuando principalmente nos seguintes temas: cultura gay, cinema e sexualidade. Também é integrante do Grupo de Análises de Políticas e Poéticas Audiovisuais (GRAPPA), formado por pesquisadores em Antropologia do Cinema de várias universidades brasileiras e certificado pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro – UFRRJ.

alt    alt CV LATTES

Redes e Projetos de Pesquisa_________________________________

SAÚDE: PRÁTICAS LOCAIS, EXPERIÊNCIAS E POLÍTICAS PÚBLICAS

ARTE, PERFORMANCE E SOCIABILIDADES

alt

Publicações_________________________________________________

SILVA, M. A. TERRITÓRIOS DO DESEJO: Performance, Territorialidade e Cinema no Festival Mix Brasil da Diversidade Sexual. Tese (Doutorado em Antropologia Social). Florianópolis: PPGAS/UFSC, 2012.

SILVA, M. A. Desejo, imagem e “cultura gay” contemporânea: uma antropologia da comunicação marginal In: Retratos do Brasil Homossexual: fronteiras, subjetividades e desejos (versãoi eletrônica).1 ed.São Paulo : Edusp, 2010, v.unico, p. 605-615.